O Bradesco e a Comunidade Nikkei

Parceria e confiança desde o início

Relacionamento

O Bradesco, desde a fundação, em Marília – SP, em 1943, tem grande afinidade com a comunidade japonesa no Brasil. A admiração pela tradição e pelo trabalho são alguns dos traços comuns entre o Bradesco e os nipo-brasileiros.

Por isso, o Bradesco criou uma área exclusiva para orientar e auxiliar a vida financeira dos descendentes que querem trabalhar no Japão.

No Japão ou no Brasil, os nikkeis e familiares contam com diversas soluções para facilitar sua vida.

Tudo com a segurança e a estrutura do maior banco privado da América Latina. Conheça nossos produtos e serviços.
Se preferir, contate a sua agência.

História

O início da amizade entre o Bradesco e os japoneses é marcado por trabalho e confiança.

Em 1907, o governo de São Paulo abre concessão para a entrada de imigrantes.

Em 1908, aporta em Santos – SP o navio japonês Kasato Maru, pela primeira vez, com 165 famílias, em um total de 781 imigrantes. Esses trabalhadores são encaminhados às fazendas de café no interior de São Paulo e outros Estados.

No interior de São Paulo, em Marília, começa a parceria entre a comunidade japonesa e o Bradesco. A cidade recebeu boa parte dos imigrantes e abrigou a primeira agência do Bradesco.

Aqui, eles encontraram um aliado para comprar as primeiras sementes, investir em equipamentos agrícolas, dar estudo para os filhos ou mesmo buscar familiares que ficaram na terra do sol nascente.

Com o tempo, essa relação ficou mais forte e ampla. O resultado foi a criação do Espaço Nikkei, com produtos para todas as necessidades dos japoneses no Brasil, que hoje são aproximadamente 1,5 milhão de pessoas das comunidades nipo-brasileiras, que atuam em atividades sociais de todas as áreas de produção e de cultura. O Brasil é o País com a maior comunidade japonesa do mundo.


Fenômeno decasségui

O termo decasségui define aquele que sai de sua terra natal para trabalhar em outra localidade. A partir da década de 80, com o crescimento econômico do Japão, brasileiros de ascendência nipônica passaram a ser recrutados por empreiteiras para trabalhar no setor industrial e de serviços.

Para atender os brasileiros que lá vivem, em 2001, o banco criou a Bradesco Services Co. Ltd., empresa com sede em Tóquio, no Japão, para oferecer aos brasileiros toda a infraestrutura de atendimento e assessoria em português e japonês, para o envio de ordem de pagamento ao Brasil e informações sobre taxas, cotações e outros serviços.