5 curiosidades sobre o tatami

tatami, tatâmi, tatame, tapete, piso, proteção para o chão, Japão, curiosidades, significa, como surgiu o nome, do que é feito, tamanhos, limpeza

Tatâmi, tatami ou tatame. É isso mesmo que você leu. Temos 3 possibilidades para chamar esse tipo de tapete ou piso tradicional japonês que é usado no Japão desde o período Muromachi (1338 – 1573).

Confira algumas curiosidades:

Como surgiu o nome

Uma variação do verbo japonês tatamu, tatami significa dobrar ou empilhar. Antigamente ele era usado como artigo de luxo pela nobreza nos pisos do palácio, depois, os samurais e padres começaram a usá-lo em quartos pequenos. Só a partir do século 17 que chegou às pessoas comuns.

Do que é feito?

Os primeiros tatames do Japão eram produzidos com palha de arroz. Hoje eles são feitos de espuma de poliestireno coberto por um tecido de pontas macias.

Tamanhos

Eles são desenvolvidos para se adaptarem ao cômodo em que serão usados. São 2 tipos diferentes: 2x1 metro e outro com a metade desse tamanho. No Taekwondo (esporte), a medida é de 10x10 metros com espessura de 20 milímetros.

A limpeza

O tatami não deve ser exposto à umidade, pois o seu revestimento é bem frágil. Para limpar, basta usar aspirador de pó ou pano úmido. Sua vida útil é de 5 a 6 anos de uso.

Brasil e mundo

Aqui no Brasil e em outros países, você encontra o tatami em academias de ginástica, aulas de yoga e esportes, mas não é uma regra. Ele também pode ser usado para momentos de diversão com as crianças ou mesmo como uma proteção para o chão.